sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

agenda / calendário pns - 2011

Intercâmbio Cultural, a Cozinha do PNS no Galpão do Folias em 20 de Novembro de 2010, Celebração do Dia Nacional da Consciência Negra - por Jana Ghoubar

Salve salve, Gente boa gente! Os integrantes do Movimento Cultural PROJETO NOSSO SAMBA de Osasco, desejamos a todos e todas um muitíssimo feliz 2011. Aproveitamos, outrossim, o ensejo para a divulgação das datas de nossos encontros na Casa de Cultura Afro-brasileira CASA DE ANGOLA nesta temporada. Cabe lembrar que o horário das atividades permanece o mesmo, sempre a partir das 16h00. Cabe ainda informar que a data do próximo encontro estará, sempre na cor vermelha.

27/02 - INÍCIO DAS ATIVIDADES - RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
20/03 - BUTIQUIM DO PNS
27/03 - RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
10/04 - ALMOÇO COM RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
15/05 - BUTIQUIM DO PNS
29/05 - RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
12/06 - RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
03/07 - BUTIQUIM DO PNS
17/07 - RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
07/08 - RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
21/08 - RODA DE SAMBA (CANTO E FALA) DO PNS
11/09 - BUTIQUIM DO PNS
16/10 - 13o. ANIVERSÁRIO DO PNS
30/10 - BUTIQUIM DO PNS
20/11 - ÚLTIMA RODA DO ANO (CONSCIÊNCIA NEGRA)

Saudações Sambísticas!!!

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

sobre o conceito de escolha existencial, um dos fundamentais em sua Teoria da Moral, diz Agnes Heller:


"(…) Apropriei-me do conceito de escolha existencial do filósofo dinamarquês Soren Kierkegaard. Em termos gerais, significa o seguinte: uma pessoa escolhe a si mesma e, desde então, torna-se o que ela é. O que é escolher a si mesmo? 


É escolher tudo o que somos: escolher nossa continuação corporal, nossas capacidades mentais, nosso objetivo moral, nossas predisposições emocionais, nossos pais, o mundo em que nascemos, nosso país e assim por diante. Nos escolhemos por completo. Se você se escolhe uma pessoa decente, isso quer dizer que você é essa pessoa, junto com tudo que você é; você é uma pessoa decente e vai se tornar o que é. O conceito de escolha existencial está também relacionado à categoria do salto. O salto significa que a escolha existencial é uma escolha absoluta, que não está determinada, por isso falo de salto. Existem saltos por toda a parte e particularmente na atividade humana. Todos sabemos sobre esses saltos. Quando se toma qualquer decisão, como casar-se ou divorciar-se, tem-se sempre a possibilidade das duas opções: fazer ou não. Existem argumentos e razões para ambas. Mas você toma uma decisão. Você salta quando diz: 'Bom, isso é o que vou fazer e assumo a responsabilidade por fazê-lo'. A escolha existencial é essa espécie de saltoSalto absoluto porque não se pode voltar atrás. Se você escolhe alguém como esposa(o), poderá se retratar, já que mais tarde poderá decidir não se casar com ela. Mas, se você faz uma escolha existencial, está escolhendo a si próprio, e não escolhendo isso ou aquilo, essa ou aquela pessoa. Por isso, tornar-se o que se é significa um ponto de partida. Evidentemente, uma escolha existencial pode ser malograda. Então você perde a si próprio, pois a perda da escolha existencial significa não poder escolher outra vez, não há uma segunda escolha. A escolha existencial ocupa lugar privilegiado, pois é absluta e, por isso, existencial. É a fonte e o ponto de partida da própria existência da pessoa."


Foto: Heine Pedersen